terça-feira, 29 de maio de 2012

Triatlo Longo de S. Jacinto 2012


S. Jacinto (Aveiro) recebeu este fim de semana um pelotão numeroso e de grande qualidade para ali disputar o Campeonato Nacional de Triatlo Longo. O desafio a cumprir pelos cerca de 250 participantes (não só atletas nacionais mas também uma boa participação de atletas do país vizinho) consistia de 1900 metros de natação, 90 km de ciclismo e 21 km de corrida.


Depois de, no ano passado, ter feito ali a minha melhor marca pessoal (4h48’26'') este ano, com mais e melhor treino, pretendia melhora-la. Consegui, mas foi uma prova atribulada.
Logo no início, estava a entrar para o parque de transição para colocar o material e os juízes a informar-me que o parque estava mesmo a encerrar. Tinha 15 minutos para preparar todo o material, vestir o fato isotérmico e nadar até à partida. Foi um verdadeiro contra-relógio! Não tive tempo de aquecer mas aqueles poucos metros de água até à partida sempre deram para me ambientar à temperatura.
A natação não correu tão bem como eu esperava. É a velha história dos triatletas... Tenho evoluído na piscina, estou a nadar com muito mais consistência mas, em águas abertas, os tempos teimam em não aparecer. Depois de, em Monte Gordo, as condições da água não terem sido as ideais agora não tenho desculpas. É verdade que a partida foi algo confusa (há muito tempo que não levava tanto "pontapé" nem tanta "bofetada" numa partida de Triatlo) e que, por isso mesmo, demorei algum tempo a encontrar o meu espaço e o meu ritmo de nado mas...


O ciclismo (90 km divididos em 4 voltas entre S. Jacinto e Torreira) foi dos 3 segmentos aquele em que mais evolui, relativamente ao ano passado. Naturalmente a bicicleta de contra-relógio tem aqui a sua participação mas o treino fez seguramente a diferença. Este ano estou a treinar mais e melhor este segmento. Consegui cumprir o percurso de forma confortável e andei a esmagadora maioria do tempo nos aerobars. A única coisa que correu menos bem no ciclismo foi a nutrição. Não que eu não a tivesse treinado ou me tivesse esquecido dela durante a prova mas o meu estômago não quis colaborar. Senti que não estava a absorver a alimentação e comi/bebi menos do que tinha planeado.


Da corrida esperava melhor. Depois do bom resultado na Meia Maratona de Cortegaça pensei que conseguisse correr mais rápido do que fiz em S. Jacinto. Como me senti bem no final do segmento de ciclismo arranquei para a corrida impondo o ritmo para o qual eu queria correr (3'50'' a 3'55''/km). Aguentei assim 3 das 5 voltas que compunham o segmento mas nas 2 últimas não consegui e tive que baixar o ritmo.


Globalmente fiquei satisfeito com o resultado obtido mas penso que, quer no segmento de corrida quer principalmente no segmento de natação, tenho que fazer melhor.

Natação: 37'34''
T1: 2'34''
Ciclismo: 2h33'47''
T2: 47''
Corrida: 1h24'12''
Total: 4h38'55''
Classificação: 50.º Lugar Geral, 38.º Sénior

Finalmente (que isto já vai longo) gostaria de felicitar a equipa do Porto Runners Triatlo que, com uma numerosa comitiva, participou de uma forma brilhante nesta prova (incluindo uma estreia).
Uma palavra de agradecimento também para a organização desta prova que esteve bastante bem, mostrando que também é possível organizar eventos com qualidade cobrando custos reduzidos aos participantes.

Podem encontrar algumas fotos aqui (da autoria do meu irmão que, gentilmente, me acompanhou à prova).

5 comentários:

sica disse...

Hugo, não tenho nenhuma dúvida que vais chegar às 4h30m, tens todas as condições para que isso aconteça, dedicas-te és muito consistente e dentro em breve a prova vai sair.
Aquilo que aprendi é que não podemos stressar nem queimar etapas, a natação com tempo evolui naturalmente. O ciclismo nestas provas longas é na minha opinião o que pode fazer a diferença, desta vez decidi arriscar e marcar um bom ciclista, não perder referências é essencial, mesmo se ao inicio o ritmo parecer um pouco acima do confortável, o corpo acaba por se adaptar se o treino estiver lá. Depois é acreditar que não vamos empenar na corrida.
Um abraço e até á próxima Campeão

sica disse...

Parabéns pelas fotos, algumas conseguem captar o momento e estado dos atletas de uma forma muito próxima da realidade.

liliana disse...

Oh Amor!!!!
Como já foi dito no comentário do teu colega e companheiro Sica, és realmente muito consistente, persistente e resistente!!
Mais uma vez mostraste que todos os sacrifícios que fazemos em prol de algum objectivo ou meta, no fim tem gostinho bom... MUITOS PARABÉNS!!!
É bom saber que em breve que vai tirar as fotos sou seu... lol
Tenho muito orgulho em ti!!
Beijo grande

Vieira disse...

Olá Hugo, tu és, provavelmente, o único atleta que não me deixa chateado quando te vejo passares por mim. A tua tranquilidade a correr é admirável e até dá gosto ver. Mesmo quando me ultrapassas!!! Bons treinos e para o ano lá estaremos a cruzar a meta pelas 4h30.
Abraço,
Pedro

Ze disse...

Bom relatorio, parabens.
As 4h30 estao planeadas para a prova deste ano? :)
Por acaso nao tens os tracks de GPS da prova nao? Eu vou fazer a prova em Maio, mas tava a pensar ir ver como era a parte da bike pela altura da Pascoa.

Cumprimentos,
Ze