domingo, 17 de junho de 2012

Triatlo (Sprint) de Espinho 2012

Decorreu ontem em Espinho o segundo Triatlo da cidade. A prova, disputada na distância Sprint, contou para o Campeonato Nacional de Clubes o que trouxe à cidade cerca de 160 triatletas.


Embora este ano eu tenha apontado os meus objectivos para as provas mais longas (Vitoria-Gasteiz está já aí), com um Triatlo aqui ao lado de casa não pude deixar de participar nesta festa e conviver mais um pouco com a tribo.
O dia ainda amanheceu chuvoso mas foi melhorando e, há hora das provas (primeiro decorreu a prova aberta e só depois o Sprint) estava um sol bonito. Aliando o bom tempo à localização da prova, com a maior parte da acção a decorrer na marginal junto à praia e com o percurso de ciclismo a passar nas principais avenidas, muita gente se deslocou para ver este espectáculo o que é muito bom para nós atletas mas também para a modalidade. Foi, nesse aspecto, uma prova muito interessante.
No que ao meu desempenho diz respeito foi, igualmente, uma prova interessante. Na água as ondas faziam-se sentir mas, tirando a saída em que a ondulação complicou um bocado, consegui fazer bem todo o segmento. Isto até parece caricato, eu dizer que fiz bem o segmento de natação quando demorei mais de 15 minutos a cumprir os 750 metros mas tendo em conta os meus desempenhos aquáticos não foi mau. Consegui navegar muito bem e não tive problemas com a confusão da partida nem ao contornar as bóias.
Feita a transição saí para o ciclismo, sozinho. E assim continuei durante todo o segmento. Esta é a minha sina. Enquanto não melhorar a natação, nestas provas mais curtas, terei que penar sozinho (ou muito pouco acompanhado) no ciclismo. Fui passando alguns atletas, cheguei mesmo a passar um ou outro pequeno grupo, mas nunca encontrei ninguém que quisesse "pôr a cabeça ao vento". Paciência! Aprende a nadar que isso passa... Este segmento apesar de percorrer, como disse, as principais avenidas e ter um ou outro local mais selectivo peca pela presença de dois troços em paralelo que o penalizam. Uma questão que a organização deve ponderar e, se possível encontrar alternativas.
Na corrida final consegui andar bem e fazer um bom segmento (15.º parcial) o que me permitiu recuperar mais algumas posições e entrar na primeira página da classificação individual. :)
Aqui ficam os números:
Natação: 15:37
Ciclismo (+ Transições): 36:11
Corrida: 17:05
Total: 1:08:55
Classificação: 48.º Geral, 17.º Sénior
A equipa do Porto Runners, que se fez representar bem (quer em quantidade quer em qualidade), alcançou o 11.º lugar. Muitos parabéns companheiros!
Resta-me agradecer o apoio que alguns amigos me deram ao longo da prova (que bem que sabe ouvir alguém puxar por nós quando estamos a sofrer. Obrigado!) e parabenizar um novo membro da tribo (e do Porto Runners) que fez a sua estreia nesta prova (Parabéns Rui! Bem vindo!).