domingo, 26 de fevereiro de 2012

III Trail de Conímbriga/Terras de Sicó

Decorreu este domingo, em Condeixa-a-Nova, a 3.ª edição do Trail de Conímbriga/Terras de Sicó.




Andava há já algum tempo para experimentar estas lides e, como me disseram que esta era uma boa prova ("muito rolante e bastante plana", que parvo que sou!...) lá me inscrevi e, com prazer, aceitei o desafio.
A especificidade do treino (ainda) não me permite estas aventuras (nem em distância nem em desnível) mas, como a paixão normalmente se sobrepõe à razão...
Resultado: (mais) um valente empeno. Como cantava o Variações "quando a cabeça não tem juízo o corpo é que paga...".
A gestão do esforço não foi a melhor (as estreias têm destas coisas) e as pernas acabaram por me trair, fazendo com que a segunda parte da prova fosse bastante sofrida.
Cumpri os 38 kms (1.175m D+) em 3 horas e 43minutos, terminando em 43.º lugar. Os resultados completos podem ser vistos aqui.


Relativamente à prova em si recomendo vivamente.
O tempo estava fantástico permitindo tirar o máximo partido das paisagens maravilhosas e dos percursos espectaculares.

 
A íngreme subida que, a meio do Trail, nos levava até às aeólicas

A organização esteve, na minha opinião, muito bem. O percurso estava bem marcado, tinham bons abastecimentos (água, bebida isotónica, fruta, queijo, pão e mel), bastante comida e bons prémios no final (azulejo alusivo à prova, t-shirt técnica, queijo, vinho e mel da região).

  
Um dos abastecimentos da prova

segunda-feira, 13 de fevereiro de 2012

Campeonato Distrital de Estrada (G. P. A. "Os Ílhavos")

Depois de, no fim de semana passado, ter feito o Campeonato Distrital de Cross de Aveiro, este fim de semana foi a vez do Campeonato Distrital de Estrada.
O Grande Prémio de Atletismo "Os Ílhavos" foi a prova escolhida pela Associação de Atletismo de Aveiro para realizar o Campeonato.
A manhã estava muito fria. Embora o sol se fizesse sentir, o vento gelava tudo e todos. Ainda assim foram muitos os atletas que ali se deslocaram para a competição.



A prova dos Juniores/Séniores/Veteranos Masculinos era a última do programa (e ainda bem pois assim o frio já era menor). O percurso consistia em três voltas que totalizavam (segundo o Garmin) 10.300 metros.
Na semana passada fiz o cross a um bom ritmo e, como tal, estava motivado e queria fazer uma boa prova. Defini que gostaria de voltar a entrar na casa dos 33' e parti decidido a isso.
O ritmo pretendido eram os 3'20''/km. E assim foi. O primeiro km foi de uma precisão suíça incrível e passei em 3'20''. Os seguintes andaram sempre bastante próximos (uns um pouco mais acima e outros um pouco mais abaixo). Embora fosse sempre com ritmos cardíacos altos (a média deu 178 bpm) ia "confortável" e, o facto de ir apanhando e passando adversários, dava-me ânimo.


No final os 300 m a mais traíram-me e o cronómetro marcava 34'24'' (média GPS de 3'20''/km). O ritmo foi o desejado mas o tempo...
Individualmente fiquei-me pelo 19.º lugar e, colectivamente, o CAO (Clube de Atletismo de Ovar) conseguiu um honroso 5.º lugar.
As classificações completas podem ser consultadas aqui.
Relativamente à organização se, por um lado, o percurso estava bom e havia elementos da GNR/pessoal da organização em todos os cruzamentos, por outro lado, o prémio de participação que foi dado aos atletas no final foi bastante reduzido. Bem sei que os tempos não são fáceis mas penso que era possível fazer melhor e dar um "miminho" aos atletas.
A lamentar também a trapalhada e a demora das classificações. Ontem, quando viemos embora (já muito depois da prova ter terminado) ainda não tinham saído as classificações da prova dos Juniores/Séniores/Veteranos Masculinos (aliás, até ao momento, ainda não há nenhuma informação sobre essas classificações). A confusão era tal que, inclusive, chegaram a pedir a atletas para devolver medalhas que já tinham sido entregues porque se haviam enganado... A rever (e melhorar).

domingo, 5 de fevereiro de 2012

Another one (good week)

Hoje, para terminar a semana, fui participar no Cross de Vagos/Campeonato Distrital de Corta Mato Longo.


Mais do que competir a ideia era fazer um treino de qualidade e acompanhar o Leonel (este rapaz tem feito um início de época interessante e hoje, mais uma vez, ganhou a prova com algum à vontade. Parabéns!).
Depois de ontem ter nadado de manhã e ter feito um bom treino de ciclismo (2h40') de tarde foi com naturalidade que, quando iniciei o aquecimento, senti as pernas "pesadas". Depois de aquecer (e bem, pois o vento e o frio do final da tarde fustigavam os atletas) lá fui para a partida dos 11 kms da prova.Comecei com calma (pronto ok, com alguma calma) e, paulatinamente, fui cumprindo o meu objectivo. Rolava a um ritmo bom e ia passando alguns atletas. O percurso (desenhado na Quinta do Ega) era interessante e consistia em 6 voltas onde havia um pouco de tudo o que um cross precisa: relva, areia, terra, curvas, subidas e descidas. Consegui cumprir os 10,78 kms em 39'04'' (médias: 3'37''/km, 176 bpm) alcançando o (pouco importante) 27.º lugar. As classificações podem ser consultadas aqui.
Esta semana termina assim com a bela quantia de 13h35' de treinos, distribuídos por 4 treinos de natação (4h20'), 3 treinos de ciclismo (5h55') e 3 treinos de corrida (3h20').
O meu objectivo principal está ainda bastante longe (embora tenha alguns objectivos intermédios a aproximar-se) e a palavra de ordem no processo de treino é "consistência".
Para já a coisa vai andando bem!...